banner_lateral_grande_miolo mole
banner_lateral_pequeno_miolo mole

Se você pensa que o soro é água, o soro não é água, não! ♫  ♪

Abram alas para o bloco mais bobo do mundo! Em 2004, a partir de um grupo de palhaços que se reunia em frente ao Bar Royal para se divertir durante a Folia de Momo, surgiu a ideia da criação de um bloco carnavalesco dos Doutores da Alegria. Logo em sua primeira edição, o Bloco do Miolo Mole arrastou pelo Recife Antigo uma multidão de palhaços, circenses, atores e foliões – todos devidamente paramentados com o adereço que dá nome ao bloco e simboliza sua filosofia: Cabeça dura tem cura!. Atualmente, o bloco já é marca registrada na cidade, colaborando com a recuperação de tradições carnavalescas.

Ao mesmo tempo em que proporciona momentos de lazer e diversão para o público, o Bloco do Miolo Mole contribui com a promoção da causa dos Doutores da Alegria. O bloco também tem como objetivos promover maior interação entre os artistas dos Doutores da Alegria e a classe artística e a sociedade em geral, além de divulgar a ideia da alegria como uma comunicação bem estabelecida e (re)inserir o palhaço numa das maiores manifestações culturais do estado do Pernambuco – o carnaval. 

Como não poderia deixar de ser, a ideia foi, posteriormente, levada para os hospitais. O Bloco do Miolinho Mole fez sua “estreia” no Carnaval de 2007, levando a alegria que contagia as ruas da cidade nessa época do ano para crianças, pais e profissionais de saúde dentro dos hospitais de atuação da ONG. Os palhaços seguem para os hospitais a bordo do “Bobo Móvel” e lá realizam um cortejo com instrumentos musicais, frevos carnavalescos e até estandarte.

Veja o convite dos palhaços para as atrações e adquira o kit para a prévia/matinê