Tempo de leitura: 2 minuto(s)

Após o sucesso dos filmes não andávamos muito bem, começamos a ganhar muito dinheiro e Mané ganhou neném. Fomos vistos fazendo coisas jamais vistas por um médico: onde já se viu, após um exame, o paciente ainda ser pago? Começamos a induzir pacientes a rasgar dinheiro. Tudo bem que era em dólar e esse dinheirinho que usamos não está valendo muito no mercado.

A instituição resolveu soltar os cachorros e nos mandaram para retificação. Primeiro, Pinheiro foi encaminhado para a Zona Sul, no Hospital do Grajaú, onde Dra. Xaveco, mais perdida do que nunca, o esperava para usar e abusar do hospital que está sob os cuidados de outra dupla.

A ex-Marcelina Dra. Greta teve a oportunidade de voltar para o Santa, onde desfilou com o finíssimo Dr. Lord e, em seguida, com a Dra. Juca Pinduca. Lord gostou do local e voltou com o emprestado imprestável Dr. Pistolinha, do ICR.

Enquanto isso Dr Mané foi entregue ao Hospital Universitário, aos cuidados da residente Dra. Juca Pinduca, que havia se livrado por uns dias da Xaveco. Juca despachou o mesmo para Lola Brígida, do ICR, hospital nunca dantes navegado pelo Dr. Mane. Esse hospital é dominado por Besteirologistas, são duas duplas residentes, cada uma para um lado, para dar conta do recado.

Depois, Mané foi encontrar com Dr. Sandoval, residente do Hospital do Grajaú e morador local do bairro. O encontro foi para lá de Bagdá, pois na ausência da Dona Greta, que agora manda no pedaço, a dupla pode trocar bobagens e criar suas bobices à vontade.

Numa manhã, Dr Valdisney, chegando ao Mandaqui, na Zona Norte, encontrou no jardim o Dr Pinheiro. É isso mesmo! Eu estava lá plantado esperando para ter a oportunidade de conhecer os procedimentos daquele Hospital, onde só tinha passado quando levamos a Roda Artística para lá. Valdisney era o único colega besteirólogo dos Doutores com quem eu ainda nunca tinha trabalhado. Foi ótimo!! Ele tem especialidade em falar com bebês, ou melhor, em falar bêbênês!! Foi uma verdadeira aula prática, e já estou usando a técnica pela Padaria da Pediatria B.

Aos que sentiram nossa falta, já estamos de volta com força total.

Atenderemos até o Natal.

Bula:
Para quem não entendeu nada, essa mistura de palhaços se chama “Cachorro Louco”. Serve para a reciclagem besteirológica, rever nossos antigos hospitais, conhecer palhaços novos com seus diferentes estilos. Também para pensar desde já na sua nova dupla para o ano seguinte.

Os 10 mandamentos do Cachorro Louco:
– Antenas ligas.
– Besteirologia em primeiro plano.
– Chegar latindo e sair miando.
– Descobrir quais são os caminhos do hospital.
– Escolha para o seu parceiro a dupla com quem ele deve trabalhar.
– Fazer de conta que não estamos perdidos.
– Gargalhada é o termômetro.
– Hospital é coisa séria, mas não leve tão a sério.
– Improvise sem moderação.
– Já esqueci.

Dr Pinheiro
______________________
Plantão em pessoa!