Doutores recomenda: livro Uma Andorinha Só

Tempo de leitura: 1 minuto(s)

Ator, palhaço, escritor, ilustrador, designer gráfico e contador de histórias. Luciano Pontes, conhecido nos hospitais recifenses como Dr. Lui, é o dono desse currículo.
E ainda tem mais um: é besteirologista.

IMIP - Lana Pinho-77

Autor de diversos livros infantis, Luciano lançou semana passada, durante a Jornada Potiguar de Leitura e Educação, o novo livro “Uma Andorinha Só”, pela editora Comunique.

O ditado popular “uma andorinha só não faz verão” serviu de inspiração para falar sobre o poder da natureza e da criação. O livro ilustrado tem 38 páginas e foi impresso em apenas duas cores (preto e verde). A terceira cor vem do próprio papel kraft, que lembra os tons e a textura da terra. 

Além da escrita, ele também assina as ilustrações e o projeto gráfico do livro

CAPA Uma Andorinha Só divulgação

A história conta o surgimento repentino de uma árvore no meio de terra seca e vazia, que segue crescendo com ajuda da chuva, do sol e do vento. Com frases curtas e analogias, Luciano constrói um texto poético e crítico, alertando para as ações individuais e coletivas que podem modificar o planeta.

A oralidade e contos populares sempre foram um campo de investigação do autor para seus livros e espetáculos teatrais. “As histórias da tradição oral constituem um patrimônio da alma brasileira, por ela aprendemos sobre os mistérios, poder, amor e sonhos de um povo que sabe o que dizer”, conta ele.

O livro pode ser adquirido pelo site da editora.
Clique aqui para ler as histórias de hospital contadas pelo Dr. Lui neste Blog.

Doutores recomenda: O Jardim do Imperador

Tempo de leitura: 0 minuto(s)

Um imperador propõe um concurso entre as crianças do reino para ver quem melhor cultiva plantas para o jardim. O vencedor será escolhido como seu sucessor.

É com esta história que as atrizes Paola Musatti e Vera Abbud dão vida a diversos personagens, entre elas as palhaças Manela e Emily, no espetáculo infantil “O Jardim do Imperador”, da Cia Pelo Cano.

IMG_0912

Ambas integram o elenco do Doutores da Alegria, sendo Vera a mais antiga palhaça em atuação nos hospitais, e trabalham com a linguagem da palhaçaria há mais de 20 anos.

O espetáculo segue em cartaz no Sesc Vila Mariana (Rua Pelotas, 141, em São Paulo), todos os domingos às 15h. Ingressos a R$ 17 (inteira) e R$ 8 (meia entrada). Acesse o site.

Doutores 

 Doutores recomenda!

Doutores recomenda: Animo Festas

Tempo de leitura: 1 minuto(s)

Em março o Espaço Parlapatões recebe uma figura inusitada: o palhaço Klaus, célebre animador de festas infantis.

O espetáculo “Animo Festas” traz um humor sarcástico, o avesso da máscara do palhaço. Klaus representa o homem maduro e fracassado que percebe que trilhou uma vida medíocre, buscando apenas a sobrevivência. 

12.2016-Circo-Animo-Festas-créd.-Gabriel-Rachid-3-640x427

IMG_1346

Nesta narrativa solitária, as festas infantis são o pano de fundo para questões sobre a felicidade, o valor trabalho artístico e as escolhas que fazemos para viver ou sobreviver. Klaus é criação do ator Márcio Douglas, que atua como palhaço no Doutores da Alegria. Clique aqui para ver um trecho da peça

As sessões acontecem de 3 a 31 de março, todas as sextas-feiras à meia-noite no Espaço Parlapatões (Praça Roosevelt, 158 – Centro de São Paulo) e os ingressos custam R$ 40 e R$ 20 (meia entrada). 

63694605719f4638ab0c3b4518c141a8

Doutores recomenda: Baile do Menino Deus, em Recife

Tempo de leitura: 1 minuto(s)

“Há 13 anos o meu Natal é no palco do Baile do Menino Deus, no Marco Zero em Recife, com uma multidão de espectadores que cantam, dançam e se emocionam com a jornada dos Mateus em busca da casa em que nasceu o menino sagrado para a celebração desse acontecimento.”

Quem conta essa experiência é Arilson Lopes, artista que atua nos hospitais como palhaço e coordena o elenco do Doutores da Alegria na cidade. Desde 2004, ele participa do Baile do Menino Deus, apresentação que reúne música, teatro e dança e virou tradição na cidade, atraindo público dos mais diferentes lugares.

107 (1)

As pessoas fizeram do Baile sua festa de Natal, pois o espetáculo alcança todas as idades e classes sociais com linguagem delicada, alegre, sublime e popular”, conta Ronaldo Correia de Brito, autor que concebeu e dirige o espetáculo.

O Baile do Menino Deus é gratuito e aberto ao público. Acontece nos dias 23, 24 e 25 de dezembro, às 20h, na Praça do Marco Zero, em Recife.

396

 “Esse Baile é preparado com muito amor por toda a equipe e ansiosamente aguardado pelo público. Já faz parte do calendário de eventos culturais da cidade. São dezenas de músicos, cantores, bailarinos e atores, além de uma imensa equipe técnica que o público não vê, mas que está atrás do palco contribuindo para que tudo aconteça da melhor maneira possível. Portanto, senhoras e senhores, moças e rapazes, crianças e crionços, “continuemos o Baile, o coração nunca esfria, quem dança os males espanta e o peito desanuvia, continuemos o Baile agora e em cada dia!“, complementa Arilson.

PUBLICO

Artistas do Doutores da Alegria concorrem a prêmios de teatro

Tempo de leitura: 1 minuto(s)

Além de atuar nos hospitais duas vezes por semana, os artistas que integram o elenco do Doutores da Alegria também fazem parte de companhias de teatro – grande parte delas com espetáculos de palhaçaria para o público infantil.

Neste ano, mais uma vez, o Prêmio São Paulo de Incentivo ao Teatro Infantil e Jovem (Prêmio Femsa) trouxe entre seus indicados um destes atores.

Antes do Dia Clarear - 06 11 2016 - Campinas showscampinas

David Tayiu (Dr. Daduvida) concorre ao prêmio de MELHOR ATOR pelo espetáculo Antes do Dia Clarear, da Cia2Dois. A montagem também concorre como MELHOR CENOGRAFIA do ano.

Neste vídeo, ele conta como foi o processo de criação da peça e como o Itaci (Instituto de Tratamento do Câncer Infantil, em São Paulo) foi importante, pois foi onde tudo começou para David e para Sandro Fontes (Dr. Sandoval), seu parceiro em cena – no hospital e no teatro.

Em 2015, o prêmio de MELHOR ATOR foi para Ronaldo Aguiar, outro integrante do Doutores da Alegria (Dr. Charlito), por Simbad, o Navegante. No mesmo ano, David Tayiu e Sandro Fontes levaram o Prêmio APCA de MELHOR ESPETÁCULO de palhaçaria com Antes do Dia Clarear.

A peça conta a história de dois homens que silenciosamente invadem um grande circo antigo na calada da noite, revelando o universo mágico dos palhaços e uma forte relação de amizade. Diz a lenda que depois da meia noite não se pisa no picadeiro do circo… É que o lugar é reservado aos ancestrais circenses para que possam fazer seus espetáculos.

A direção é de Ronaldo Aguiar e de Fernando Escrich, com músicas de Nino Rota, compositor dos filmes de Federico Fellini.

Antes_do_dia_clarear3

Doutores recomenda: Henriques, mais um Shakespeare para crianças

Tempo de leitura: 1 minuto(s)

Mais uma história de Shakespeare é contada para crianças de uma forma refinada e bem humorada. Henriques, da Cia Vagalum Tum Tum, mal estreou e já levou o título de Melhor Espetáculo de Texto Adaptado pela Associação Paulista de Críticos de Arte (APCA).

HENRIQUES_Cia Vagalum 2 - DNGfotos: João Caldas

Palhaço, música ao vivo e literatura

A peça é uma livre adaptação da trajetória do Rei Henrique V na obra de William Shakespeare.

Com música ao vivo e uso da linguagem do palhaço, a Cia Vagalum Tum Tum narra a história do príncipe Henrique, um jovem inconsequente que não parece muito interessado em tomar juízo e suceder o pai. Junto aos amigos Falstaff e Pistola, Henrique é desacreditado pelo próprio pai e pelo povo, que não o considera à altura de um nobre e menos ainda de ser o futuro rei da Inglaterra. Mas com a morte do rei Henrique IV, ele se vê na condição de herdeiro do trono.

HENRIQUES_Cia Vagalum 2 - DNG

A Vagalum Tum Tum traduz Shakespeare para crianças, sempre sob a ótica do palhaço (Bruxas da Escócia, O Príncipe da Dinamarca, Othelito, O Bobo do Rei), e traz em seu elenco artistas que já atuaram no Doutores da Alegria. A direção é de Angelo Brandini, com direção musical de Fernando Escrich. No elenco: Christiane Galvan, Val Pires, Thiago Andreucetti, Ivy Donato, Rodrigo Freitas, Wesley Salatiel e Michelle Gallindo. 

Quero ver! Onde?

No Sesc Belenzinho.
Endereço: Rua Padre Adelino, 1.000 – Belenzinho, São Paulo
Telefone: 11 2076-9700
Quando: Sábados e domingos, às 12h (meio-dia)
Duração: 60 minutos
Classificação: Livre
Ingressos: R$ 20 (inteira), R$ 10 (meia) e R$ 6 (credencial Sesc)
Temporada: Até 8 de janeiro/2017 (não haverá sessões nos dias 24, 25, 30 e 31/12)
Mais informações: http://www.sescsp.org.br/programacao/107121_HENRIQUES

Doutores recomenda!

Doutores recomenda: encontro discute palhaçaria sob um viés feminino

Tempo de leitura: 2 minuto(s)

Discutir o palhaço sob um viés feminino é o grande propósito do II Encontro Internacional de Mulheres Palhaças. Mas também traz ao público espetáculos infantis e adultos, de rua, cabarés, rodas de conversas, oficinas e filmes.

emp

A segunda edição do evento acontece de 21 a 27 de novembro em diversos espaços na cidade de São Paulo e é realizada pelo Teatro da Mafalda, em parceria com SESC São Paulo.

Soraya Saide e Roberta Calza – atrizes, palhaças e formadoras da Escola do Doutores da Alegria – ministraram uma oficina sobre a intervenção do palhaço em hospital no dia 21. “Muita gente da classe artística e estudantes da área não sabem que Doutores da Alegria tem uma escola. Apresentamos a pedagogia e a metodologia que desenvolvemos nos cursos para os vários públicos. Foi importante falar com gente preocupada com a banalização da linguagem“, comentou Soraya.

Veja a programação abaixo ou clique aqui para ver o flyer do evento.

Programação CENTRO CULTURAL DA PENHA – LARGO DO ROSÁRIO

21 de novembro
10h às 13h – Oficina “Palhaçaria no Hospital”, com Soraya Saide (Doutores da Alegria, SP)
10h às 13h – Oficina “Bufonaria”, com Luciana Viacava (Cia do Ó e Doutores da Alegria, SP)
19h30 – Exibição do filme “Minha avó era palhaço”, de Mariana Gabriel (SP)
21h – Confraternização

22 de novembro
10h às 13h – Oficina “Palhaçaria no Hospital”, com Soraya Saide (Doutores da Alegria, SP)
10h às 13h – Oficina “Bufonaria”, com Luciana Viacava (Cia do Ó, SP)
14h30 – Exibição do filme “A Grande Vedete” e conversa com a Profª.drª. Virginia Namur (Fatec/Unesp, SP)
15h às 18h – Oficina “Donde está mi payasa?”, com Darina Robles Pères (Ciudad de México, México)
20h30 – Espetáculo “Cabaré das Neófitas”, de Cida Almeida (SP)

23 de novembro
10h às 13h – Oficina “Palhaçaria na rua”, com Manuela Castelo Branco (Brasília, DF)
10h às 13h – Oficina “Clown para palhaças”, com Fiorella Kollmann (Lima, Peru)
15h às 18h – Oficina “Donde está mi payasa?”, com Darina Robles Pères (Ciudad de México, México)
17h – Espetáculo “Eu Transito”, da Cia Asfalto de Poesia (SP)

24 de novembro
10h às 13h – Oficina “Palhaçaria na rua”, com Manuela Castelo Branco (Brasília, DF)
10h às 13h – Oficina “Clown para palhaças”, com Fiorella Kollmann (Lima, Peru)

27 de novembro
21h – Comemoração dos 20 anos da turma “Lume Teatro” (Campinas, SP)

Programação SESC CAMPO LIMPO

23, 24 e 25 de novembro
15h às 18h – Oficina “Técnica Circense- acrobacia e laço”, com Tania Fabri e Família Sbano (SP)

26 de novembro
16h – Espetáculo “A-las-pi-pe-tuá” da Seres de Luz (Campinas, SP)

27 de novembro
16h – Espetáculo “A-las-pi-pe-tuá” (Campinas, SP)
18h – Cabaré da Mafalda (SP)

Programação SESC IPIRANGA

24. de novembro
19h às 22h – Palhaças em Rede

26 de novembro
18h – Cabaré de Gala, com direção de Naomi Silman (Lume Teatro, Campinas, SP)

27 de novembro
16h – Espetáculo “ Borralhona”, com Lilian Moraes (Grupo Offsina, Rio de Janeiro, RJ)
18h – Cabaré Trans. Direção: Ricardo Pucetti (Lume Teatro, Campinas, SP)

Programação SESC PINHEIROS

26 e 27 de novembro
16h – Espetáculo “Metro Y Médio”, com Maku Jarrack (Buenos Aires, Argentina)

Programação SESC SANTO ANDRÉ

27 de novembro
16h – Cabaré Tarde de Galinha, com direção de Joana Piza (Campinas, SP)

Programação LARGO DO PAISSANDU – CENTRO DE MEMÓRIA DO CIRCO

25 de novembro
11h – Cortejo de Palhaças do Encontro

Você também pode gostar:

Doutores recomenda: Seu Rei Mandou e Mostra Las Cabaças 10 anos

Tempo de leitura: 1 minuto(s)

Doutores da Alegria traz duas dicas culturais para aproveitar as férias em São Paulo:

Seu Rei Mandou, para curtir com a criançada, e a Mostra Las Cabaças 10 Anos, com um repertório incrível de duas palhaças que exploraram a Amazônia.

Seu Rei Mandou

Seu Rei Mandou _Foto Lana Pinho

O espetáculo Seu Rei Mandou, da Cia Meias Palavras, traz para o palco histórias que tratam do universo fabuloso dos reis através de releituras cômicas e poéticas, ora críticas, mas sempre lúdicas.

A montagem tem texto, direção, figurinos e atuação de Luciano Pontes – conhecido nos hospitais pernambucanos como Dr. Lui –, acompanhado no palco pela flauta e tambor do músico Gustavo Vilar.

A peça promove um diálogo entre a contação de histórias, a música e o teatro de formas animadas em três contos: A Lavadeira Real, O Rato que roeu a Roupa do Rei de Roma e O Rei chinês Reinaldo Reis.

Quando e onde?

Somente nos dias 9 e 10 de julho (sábado e domingo) às 16h no Instituto Itaú Cultural. Ingressos gratuitos distribuídos com uma hora de antecedência.

veja aqui mais informações sobre Seu Rei Mandou

blog_sep

MOSTRA LAS CABAÇAS 10 ANOS 

ODiaDaCaca_LasCabacas_fotoPabloSaborido (1)

Las Cabaças é um grupo formado em 2006 pelas palhaças Juliana Balsalobre (Bifi) e Marina Quinan (Quinan), ex-integrantes do Doutores da Alegria. Naquele ano, a dupla embarcou em uma viagem pelo Norte e Nordeste do Brasil, pesquisando e coletando materiais em seus encontros com o público e outros palhaços. Em 2009, fixaram residência em Alter do Chão, no Pará.

A dupla foi descobrindo o que há de universal no riso e o que há de mais genuíno na relação com o outro. E as experiências vividas nas pequenas comunidades se transformaram em roteiros teatrais através da linguagem do palhaço. 

Quando e onde?

Até 21 de agosto, a Mostra Las Cabaças 10 anos traz três espetáculos do seu repertório, com a estreia do terceiro, ao Sesc Pompeia, em São Paulo. Sábados e domingos, com ingressos entre R$ 5 e R$ 17 reais.

veja aqui a programação da Mostra Las Cabaças 10 Anos

As férias estão só começando… Traremos mais sugestões culturais em breve! :)

Doutores recomenda: Se fosse fácil não teria graça (SP)

Tempo de leitura: 1 minuto(s)

Nando Bolognesi, ou Palhaço Comendador Nelson, integrou o elenco do Doutores da Alegria há alguns anos.

Aos 21 anos, ele descobriu ser portador de esclerose múltipla. Hoje, aos 46 anos, ele traz para o palco o espetáculo Se fosse fácil não teria graça, em que relata como superou as dificuldades da doença degenerativa e incurável. Para isso, ele usa a experiência como palhaço na vida real para contar, de maneira emocionante e divertida, como tem enfrentado as situações mais corriqueiras.

Nando provoca risos e emoção ao mostrar como dificuldades podem ser transformadas em alegrias, desafios e realizações, e convida a refletir sobre a vida, a morte e a existência humana.

13622124294_efb079217f_k

Onde, quando?

Quintas-feiras, até 4 de agosto (exceto dia 30/06), às 21h
Teatro Tucarena – Rua Monte Alegre, 1024 – Perdizes, São Paulo
Duração: 80 minutos
Indicação de faixa etária: 14 anos
Capacidade: 176 lugares
Ingressos: R$ 50 (inteira) e R$ 25 (meia entrada) e R$ 10 (estudantes, professores e funcionários da PUC)
bilheteria: terça-feira a domingo das 14h às 20h
www.ingressorapido.com.br 
(11) 4003-1212

Doutores recomenda: Seu Rei Mandou, no Recife

Tempo de leitura: 1 minuto(s)

Histórias de reis são sempre grandiosas, envolvem bravura, esperteza e uma boa dose de tirania.

O espetáculo Seu Rei Mandou, da Cia Meias Palavras, traz para o palco histórias que tratam do universo fabuloso dos reis através de releituras cômicas e poéticas, ora críticas, mas sempre lúdicas.

Seu Rei Mandou _Foto Lana Pinho

Em cartaz no Recife, a montagem tem texto, direção, figurinos e atuação de Luciano Pontes – conhecido nos hospitais como Dr. Lui –, acompanhado no palco pela flauta e tambor do músico Gustavo Vilar.


Teaser Seu Rei Mandou por cia-meias-palavras

Ela fica até 28 de maio no Teatro Marco Camarotti, no Sesc Santo Amaro, aos sábados e domingos, sempre às 16h, com ingressos a R$ 20 e R$ 10 (meia-entrada).

O espetáculo promove um diálogo entre a contação de histórias, a música e o teatro de formas animadas em três contos: A Lavadeira Real, O Rato que roeu a Roupa do Rei de Roma e O Rei chinês Reinaldo Reis.

Bora ler

Durante a temporada, o público ainda poderá adquirir o livro “Seu Rei Mandou” ao preço popular de R$ 20. O título traz os contos que deram origem à peça e foi escrito e ilustrado por Luciano Pontes.

Luciano Pontes - livro Seu Rei Mandou - foto Lana Pinho

Além disso, antes de cada sessão, a companhia instala um espaço para leitura partilhada de livros que serviram de inspiração para suas criações ou que tenham uma ligação temática com o enredo apresentado nos espetáculos da companhia.

Imperdível e uma boa oportunidade para ver o Dr. Lui nos palcos! Doutores recomenda!

Serviço

Sei Rei Mandou / Cia Meias Palavras
Teatro Marco Camarotti (Sesc Santo Amaro)
Rua Treze de Maio, 455 – Santo Amaro, Recife
Sábados e domingos, 16h, até 28/05
Ingressos a R$ 20 e R$ 10 (meia-entrada)