Notícias
 

Plateias Hospitalares chega a mais três hospitais

Depois de três anos de projeto bem sucedido no Rio de Janeiro e após sua estreia em São Paulo, o projeto Plateias Hospitalares chegou a quatro outros hospitais na capital paulista: Hospital Auxiliar de Suzano, Instituto da Criança, Hospital Geral da Pedreira e Hospital do Mandaqui

Hospital Cidade Tiradentes

A ideia do projeto é ampliar o acesso à cultura por meio de apresentações artísticas de qualidade a pacientes, visitantes, profissionais de saúde e funcionários. No programa tradicional – e bastante reconhecido – de visitas leito a leito, a interação acontece entre uma dupla de palhaços e os presentes no local: crianças, profissionais de saúde e acompanhantes. Já no Plateias Hospitalares os palhaços passam pelos corredores do hospital convidando a todos para assistir uma apresentação em algum lugar do hospital (um anfiteatro, uma sala, um refeitório, uma brinquedoteca…). 

Neste início de projeto em São Paulo, as apresentações são dos próprios artistas do elenco – no Rio de Janeiro, onde o projeto existe há mais de três anos, as apresentações são de grupos de artistas da cidade interessados em levar a sua obra para o ambiente hospitalar.

Hospital Geral da Pedreira

“Com este projeto, os Doutores da Alegria entram na maioridade seguindo a sua vocação formadora, além de ampliar a missão da organização, passando a atender também pacientes adultos e idosos”, contou Fernando Escrich, coordenador do programa Plateias Hospitalares. O fundador da ONG, Wellington Nogueira, acredita que “a iniciativa faz com que o hospital se torne cada vez mais um espaço não somente de cuidado, mas de promoção de saúde através da interação com a arte e a cultura”.

Veja as fotos do projeto piloto em São Paulo.

<Voltar