Tempo de leitura: 1 minuto(s)

O Hospital Santa Marcelina, que fica na região de Itaquera, é bem grande. São escadas, elevadores, quartos, escritórios, alas, enfermarias, parte externa, banheiros, refeitório e muito mais.

Foto_20

Nós, os besteirologistas da vez, percorremos bastante estes caminhos, sempre espalhando dúvidas e uma certa dose de confusão. Mas também prestamos serviços bastante inúteis, como, por exemplo, ensinar às pessoas como se deve chamar o elevador.

Tolinhos os que pensam que basta apertar um botão. Mostramos que chamando o aparelho pelo nome, em alto e bom som, ele chega bem mais rápido: ELEVADOOOR! Sim, pode gritar a plenos pulmões, e perceba você também a diferença. 

Itaci - Lana Pinho-213

E um detalhe não menos importante tem gerado um certo clima de discórdia entre nós: qual o nome correto para denominar uma “coisa” de concreto que liga o edifício onde existe a enfermaria pediátrica e uma das entradas do hospital?

- É rampa!, diz Dr. Cavaco com certeza absoluta.
- Nada disso, é túnel!, diz Dra. Pororoca com absoluta certeza.
- Tá na cara que é uma passarela…, responde Dr. Dadúvida com dúvida nenhuma.
- É rampa.
- Túnel.
- Passarela.
- Rampa!
- Túnel!
- Passarela!
- Rampaaaaaaaaaa!
- Túnelllllll!
- Passarelaaaaaa! 

_MG_4155

Por favor, dê uma olhada na foto acima e ajude este trio a chegar a alguma conclusão, mesmo que isto não tenha a menor importância em sua vida. Para você, caro leitor: é rampa, túnel ou passarela? 

Dra. Pororoca (é túnel), Dr. Dadúvida (é passarela) e Dr. Cavaco (é rampa) escrevem do Hospital Santa Marcelina, em São Paulo.